Quanto Custa Abrir Uma Empresa Em 2020?

Saber quanto custa abrir uma empresa, especialmente no ano de 2020, é algo que vem sendo muito procurado por empreendedores do todos os portes.

Isso acontece uma vez que esse valor varia de ano para ano, de empresa para empresa, de ideia para ideia… e muito mais. Em suma, a quantia ser gasta se altera a depender da situação, do ano e do perfil do investidor em questão.

Para entender um pouco mais sobre o que é preciso saber antes de gastar com a abertura de um negócio qualquer, é importante conhecer os fatores certos envolvidos nesse caso.

Quanto custa abrir uma empresa – negócio de se inicia do zero

Afinal, quanto custa abrir uma empresa que se inicia do zero?

Um negócio que surge sem antecedentes tende a variar bastante a depender de seu tamanho, sua intenção e de seus gastos frequentes.

Por exemplo, enquanto lojas online tendem a ter um gasto menor com aluguel, a compra de materiais para o dia a dia e funcionários, as lojas físicas têm esse gasto. Portanto, é preciso conhecer suas intenções antes de investir em qualquer ideia.

Mesmo o valor, em si, sendo variável, existem alguns gastos com os quais qualquer empreendedor terá de arcar. Conheça-os.

Burocracia

Muito da pesquisa em relação a quanto custa abrir uma empresa está vinculada ao gasto com burocracias.

Afinal, dezenas de documentos devem ser emitidos antes da abertura de um negócio, como alvarás e licenças de funcionamento. O mesmo pode ser dito para vistorias, Simples Nacional, etc…

Muitas vezes, além de tudo isso, é necessária a contratação de um profissional que facilite esse processo, tornando-o menos custoso e suscetível a erros.

Seja como for, os gastos burocráticos estão certamente relacionados à abertura de qualquer negócio.

Custos iniciais

Ao buscar conhecer a somatória do valor gasto para iniciar um negócio, não tem como ignorar o montante de custos iniciais.

Ele dizem respeito a tudo que será gasto para, de fato, dar início às atividades da empresa em questão. Esse valor inclui:

  • Investimento inicial necessário;
  • Aplicação de um valor que mantenha o fluxo de caixa ativo;
  • A compra de mesas, cadeiras, balcões, computadores e itens de escritório em geral (no caso de espaços físicos);
  • A compra de domínio, hospedagem, a contratação de profissionais de TI, etc. (no caso de espaços online);
  • A contratação de possíveis funcionários;
  • Entre outros gastos.

Para conhecer de forma mais clara os fatores que estarão envolvidos nesse aspecto inicial de sua empresa, é fundamental apostar em montar um plano de negócios e financeiro. Ele dirá o que deve estar incluso nesse valor.

Gastos frequentes

Todo negócio possui gastos mensais ou semestrais que devem ser levados em conta na hora de buscar saber quanto custa abrir uma empresa. Aluguel, luz, funcionários, equipamentos…

Tudo isso deve ser considerado antes de mesmo de se abrir uma empresa. Afinal, se ela não for capaz de gerar esse capital constantemente, ela será sempre uma instituição ameaçada pelo mercado.

Franquias

Saber quanto custa abrir uma empresa é uma temática que se altera por completo no que diz respeito às franquias. Afinal, ao contar com elas, já se tem acesso a um negócio pré-formulado e com valores já delimitados.

Se você é um completo iniciante e não deseja se arriscar em um negócio que sai do zero, é interessante conhecer um pouco mais sobre franquias.

Por onde começar?

Para calcular o valor de abertura de uma empresa em 2020, é importante estar atualizado em relação aos valores burocráticos envolvidos no processo, os gastos iniciais e frequentes e ao mercado em si.

Com todos esses dados em mente, é possível também buscar ajuda profissional, saber na prática quanto custa abrir uma empresa e ainda ter auxílio durante esse processo. Boa sorte!

Deixe uma resposta